SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

segunda-feira, 25 de julho de 2016

QUEM GOSTA DE PRAÇA...


Engraçado vê o quanto somos persistentes. Acordamos cedo ou não dormimos em nossas casas, ficamos no frio em festas madrugada adentro, tomamos chuvas, tiramos policiamento em dias escaldantes, muitas das vezes quase não temos tempo para comer em um turno de serviço, trabalhamos com equipamentos vencido ou obsoletos, trabalhamos em uma pressão que poucas outros profissionais trabalham, somos xingados, odiados, maltratados pela sociedade que defendemos, pelos políticos, por uma parte do judiciário, pela educação, pela setor da saúde e até por nós mesmos, isso mesmo, nós mesmos. Hoje tive a ultima prova que não devo fazer mais nada. Uma noticia vinculada em redes sociais dão conta que um soldado da policia militar de São Paulo foi executado e o velório esta acontecendo e o que o comandante daquela instituição foi fazer?. Resposta: Desfilar com a tocha olímpica. Mais uma demonstração que não somos nada para quem esta na ponta das pirâmides. Outro fato que me trouxe uma enorme revolta foi vê uma atuação policial em uma cidade do interior, onde havia um jogo de futebol amador e houve um briga, os militares separaram os brigões, apartir disso a população ficou contra a policia, eram xingamentos e mais xingamentos. Na frente da tropa havia um oficial e o mesmo, acho que com medo de algum problema, simplesmente ouviu todos os desacatos proferidos por alguns babacas que ali estavam e pasmem, a preocupação dele era controlar a tropa, em determinado momento, olhou para alguns policias e apontou para a cabeça, indicando para os militares colocarem as coberturas, ou seja, estava mais preocupado em fiscalizar do que ajudar e prender aqueles que estavam desacatando. Realmente, parei. Puxei o freio de mão, desliguei o carro, tirei a chave da ignição, sai do carro, acionei o alarme e fui descansar. Chega de preocupar com uma coisa que nunca vai mudar, chega de desgaste. Sei que muitos estão assim e a cada dia aumenta mais o numero de policiais que pararam seu carros e estão descansado e não adiante os vibradores de redes sociais falarem que isso é muxibagem, pelancagem, isso não vai mudar o comportamento dos que estão fora de seus carros descansando.