SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Base policial é queimada e número de ataques no RN passa de 90


Ataques acontecem desde sexta (29); 33 cidades já registraram atentados.

Uma base policial de Rio do Fogo, e uma escola na zona rural de Touros, ambas cidades do litoral Norte potiguar, foram alvos de incêndios criminosos. Não há feridos. Entre a noite da terça (2) e a madrugada desta quarta-feira (3), outros atentados a fogo foram registrados durante a manhã em Natal e Parnamirim, além de outros municípios do interior do estado.
A instalação de bloqueadores de celular na Penitenciária Estadual de Parnamirim, na Grande Natal, é apontada pelo governo como motivo dos ataques que vêm ocorrendo no estado.
Ataques
Desde a sexta-feira da semana passada, dia 29 de julho, já foram registrados 92 ataques em 33 cidades do estado. Segundo a Secretaria Segurança Pública e Defesa Social do RN (Sesed), 85 pessoas já foram presas suspeitas de envolvimento nas ações criminosas.
Entre os ataques, estão confirmados 54 incêndios, 24 atentados a fogo, 7 disparos contra prédios públicos e proximidades, 4 ataques envolvendo artefatos explosivos e 3 depredações. Os veículos incendiados, somando apenas ônibus e micro-ônibus, são 29.
Escola
A escola em Touros foi atacada na noite da terça, por volta das 21h. É de ensino infantil e fundamental e fica no distrito de Vila Israel, na zona rural do município.
Base policial
Segundo o sargento Clóvis Costa, comandante do destacamento da PM de Rio do Fogo, o incêndio na base policial começou por volta das 4h30 desta quarta. A comunidade conseguiu apagar as chamas. "Até o momento, ninguém foi preso", disse.
Lancha
Também no litoral Norte, uma lancha foi incendiada por criminosos na sede do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema) na praia de Maracajaú, município de Extremoz. A polícia recebeu o chamado na manhã desta quarta.