SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Cabeceira Grande




No distrito de Palmital, município de Cabeceira Grande, dia 09Ago16, por volta das 15:00 horas, indivíduos armados com armas de fogo, invadiram a Fazenda Palmital, renderam e amarraram o proprietário de 64 anos. Em seguida abateram uma vaca, colocando-a na carroceria da camioneta Fiat Strada Adventure, cor verde, pertencente aquela propriedade. Enquanto os autores praticavam o roubo, perceberam que outras pessoas chegaram ao local, tendo os autores fugido da propriedade na camioneta e no veículo em que estavam em alta velocidade, deixando para trás o autor de 28 anos, que fugiu a pé e se embrenhou na mata. 
Uma equipe do Serviço de Inteligência e viaturas do Tático Móvel do 28º BPM, apoiadas por policiais militares de Cabeceira Grande e de Palmital iniciaram as buscas e levantamentos, tendo a equipe de Palmital, logrado êxito em prender o autor que estava no mato. Diante da prisão deste autor, ele confessou a participação no crime e delatou a participação de outros comparsas, que possuem residências no Estado de Goiás. 
De imediato, a Polícia Militar de Minas montou uma operação e deslocou equipes para o Estado de Goiás, mais precisamente no Distrito de Jardim Ingá, município de Luziânia/GO.   
Com apoio de guarnições do 33º BPM de Luziânia/GO, abordam a residência de um autor de 48 anos, sendo localizado o veículo VW/Gol, cor vermelha, utilizado pelos autores quando cometeram o roubo. Foram encontrados também 01 tablete de maconha, pesando cerca de meio quilo; pasta base de cocaína, pesando também cerca de meio quilo e R$700,00 reais em dinheiro. Com a prisão dele, os policiais militares deslocaram ao Parque Nova Friburgo, no município de Cidade Ocidental/GO, onde prenderam mais 02 homens e uma mulher envolvidos no crime. No local, foi recuperada a camioneta roubada da fazenda e a vaca abatida, sendo localizados 01 revólver calibre .38; 01 simulacro de arma de fogo; mais 01  tablete de maconha; R$138,00 reais em dinheiro e telefones celulares.
Todos os autores foram presos em flagrante delito, sendo encaminhados com os materiais apreendidos à delegacia de polícia civil do Estado de Goiás. Após ouvidos pelo delegado de polícia local, foram encaminhados à delegacia de polícia civil da cidade de Unaí, onde a ocorrência será encerrada, ficando todos a disposição da justiça.