SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Por 14 votos a 5, Comissão do Senado se pronuncia a favor do julgamento de Dilma


A Comissão Especial do Impeachment do Senado aprovou em sessão nesta quinta-feira, por 14 favoráveis e 5 contrários, o relatório do senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), favorável à condenação de Dilma Rousseff por crime de responsabilidade. O relatório recomenda que o caso seja levado a julgamento final. Dos 20 votos do colegiado, são necessários ao menos 11 para confirmar o relatório.
A presidente só será julgada, no entanto, se o Plenário seguir o entendimento da comissão e considerar que há provas de que a presidente afastada descumpriu leis fiscais e orçamentárias na edição de decretos de crédito suplementar e nos atrasos em repasses de subvenções do Plano Safra, em 2015.

A sessão durou quase três horas, e 22 senadores discursaram. O parecer do relator Anastasia será agora votado pelo plenário principal do Senado em sessão de pronúncia ou impronúncia prevista para a próxima terça-feira. Se a maioria simples dos senadores (pelo menos 41 parlamentares) também aprovar o relatório de Anastasia, considerando que houve crime, Dilma será levada a julgamento final, com início previsto para o final deste mês. Caso contrário, será arquivado e Dilma Rousseff reassume a Presidência da República.