SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Americano pega prisão perpétua por cuspir em policial


Um homem condenado por estupro no passado foi sentenciado à prisão perpétua nos Estados Unidos por cuspir num policial. April Sellers White, juíza da corte do Condado de Creek, emitiu a pena máxima contra John C. Marquez, de acordo com a recomendação do júri. A decisão tem como base uma lei que criminaliza atos nos quais fluidos corporais de suspeitos atinjam autoridades no exercício do dever. Marquez, de 35 anos, foi condenado por lançar fluidos corporais contra o policial Charles Gadd em Sapulpa, no Estado americano de Oklahoma. O incidente ocorreu quando Gadd levava Marquez para a cadeia, depois de um episódio de violência doméstica no qual uma mulher teve o braço quebrado. O júri levou 15 minutos para decidir a pena de prisão perpétua. Foram levadas em conta condenações anteriores de Marquez, como estupro e roubo. Além da perpétua, Marquez foi condenado a mais um ano de prisão e a duas multas: uma, de US$ 3 mil, por violência doméstica, e outra, de US$ 500, por resistir a voz de prisão.