SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Estradas mineiras receberão mais 153 radares


Motoristas que trafegam pelas rodovias estaduais em Minas Gerais devem ficar ainda mais atentos a partir de terça-feira, quando as chances de multa por ultrapassar os limites de velocidade aumentam. É que os 240 radares que estavam parados havia dois anos voltam a funcionar gradativamente e outros 153 serão instalados, totalizando 393 equipamentos, o que representa um aumento de 63,7% do total de aparelhos em operação em 2014. Outros 13 equipamentos móveis vão fazer o controle eletrônico de velocidade para coibir excessos dos condutores, o que vai garantir mais segurança nas rodovias, segundo o Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER-MG).

De acordo com o órgão, os primeiros radares já estão funcionamento em caráter educativo desde segunda-feira, com o limite de velocidade permitido nas estradas sob sua jurisdição, que é de 60 km/h. A MG-030, em Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), a MG-133, em Tabuleiro, e a MG-447, em Ubá, essas duas cidades da Zona da Mata, foram as primeiras a receber os novos radares. Na MG-030, os radares estão instalados nos quilômetros 11,8; 13; 15,9; 16,2; 16,8; 19; 26,5 e 26,6. Já na MG-133, há um equipamento no km 16. E na MG-447, no km 4..

A recomendação do DER é que o motorista, independentemente da presença dos radares,  respeitem a sinalização e os limites de velocidade de cada trecho das estradas, mas os equipamentos teriam a função de coibir excessos. De acordo com o órgão, 30% dos aparelhos têm leitor automático de placas e podem agilizar a verificação da situação dos veículos, identificando os que foram roubados e clonados. O investimento do governo do estado foi de R$ 77,69 milhões na contratação dos radares pelo período de 30 meses.