SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

domingo, 30 de outubro de 2016

Guerra do tráfico e policiais desmotivados alimentam crise de insegurança no RS



Bruna, 11 anos, já perdeu 20 dias de aula neste ano. "Minha filha não pode sair de casa, porque toda manhã tem um corpo na rua onde a gente mora", justificou a mãe da estudante à direção da escola.

Júlia, de 15 anos, morreu após levar diversos tiros no rosto de uma facção rival à do namorado. A mãe de Anderson, 16, não sabe se ele está vivo ou morto. O garoto nunca foi achado desde que foi levado à força por traficantes.

Todos os casos ocorreram recentemente na periferia da zona norte de Porto Alegre, uma das áreas mais violentas da capital gaúcha. As identidades das vítimas foram alteradas nesta reportagem por segurança das testemunhas.
O Rio Grande do Sul enfrenta uma crise na segurança pública sem precedentes, de acordo com as estatísticas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aviso: nossos colaboradores estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas.Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

- Seja educado. Estar escondido atrás de um computador não dá direito a ninguém de ser diferente do que seria frente a frente.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.