SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

domingo, 27 de novembro de 2016

Com remuneração de mais de R$ 300 mil, servidores públicos em Minas recebem acima do teto



Gratificações, vantagens pessoais e regalias exclusivas do serviço público brasileiro fazem com que funcionários do Judiciário, Legislativo e Ministério Público tenham contracheques invejáveis. Embora a Constituição Federal determine que nenhum servidor do país pode ganhar mais de R$ 36.713,88 mensais – valor que corresponde ao salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) –, alguns bolsos recebem quantias bem superiores. 

O Estado de Minas acessou a última folha de pessoal disponível em cada um dos poderes em Minas Gerais e encontrou 1.426 pagamentos superiores ao teto. O seleto grupo custou ao contribuinte R$ 70.969.488,72 líquidos – depois de descontados o Imposto de Renda e a Previdência Social. A média salarial líquida chega a R$ 49.768,22.

Continue lendo >>>