SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

POLICIA CIVIL APRESENTA RESULTADO DE PRISÕES.



                Nesta manhã de 23/11/16, a POLICIA CIVIL DE MINAS GERAIS, através da Delegacia Regional de Unaí fez a apresentação do resultado de investigações que culminaram na prisão de três pessoas:

S. O. C., 50 anos: S. teria se envolvido numa agressão na zona rural, tendo a vítima procurado pela Delegacia Civil de Unaí solicitando providencias. Com os dados fornecidos pela vítima, nossos policiais consultaram os sistemas policiais de informações, como de praxe, oportunidade em que descobriram que o mesmo possui um mandado de prisão expedido em seu desfavor pela Justiça Federal do Pará, pela prática do crime de “Falsidade Ideológica”; diante de tal informação nossos policiais civis fizeram contato com a Justiça Federal do Pará, angariando maiores informações, oportunidade em que descobriram que o mesmo havia sido candidato a Deputado Estadual naquele Estado e também que estaria envolvido em “grilagem de terras”; com tias informações nossos policiais civis diligenciaram até a propriedade rural em que Sandro reside, e depois de certo tempo monitorando-a conseguiram efetuar sua prisão, dando cumprimento ao mandado de prisão expedido. Tal prisão já foi comunicada a Justiça Federal do Pará, bem como com os órgãos policiais de tal Estado para que Sandro seja transferido para tal Estado.

R. A. M., 26 anos: S. estava sendo investigado pela DEAM (Delegacia Especializada no Atendimento a Mulher), uma vez que estaria praticando atos libidinosos com a enteada de 12 anos, em sua residência no Projeto de Assentamento “Andreia dos Santos”; segundo o apurado, R. estaria praticando tais atos libidinosos com M.C.L. desde os 08 anos de tal menor, só vindo a cessar tais atos quando a mesma teve a primeira menstruação. Além do estupro de vulnerável  (art. 217 A do CP – Pena de 08 a 15 anos), R. também é investigado por violência doméstica (art. 129, § 9º CP),  uma vez que existem denúncias de que o mesmo agride fisicamente sua amásia, genitora de M.C.L., O trabalho investigatório da DEAM possibilitou a expedição e um mandado de prisão preventiva por parte da Vara Criminal de Unaí, tendo o mesmo sido cumprido por nossos policiais, apurando com isso, mais um caso de pedofilia na zona rural de Unaí.

E. F. C., 26 anos:Na manhã de 17/10/16, ocorreu uma assalto a uma relojoaria no centro de Unaí, oportunidade em que dois homens armados entraram na loja anunciando o roubo; a Polícia Civil, a tomar conhecimento de tal assalto passou a diligenciar no sentido de se apurar sua autoria; com os elementos conseguidos em tal investigação, nossos policiais civis foram até a cidade de Santo Antônio do Descoberto onde surpreenderam P.H.C., 20 anos, utilizando um relógio que fora roubado da joalheria em questão, confirmando as informações obtidas na investigação; P. H. foi então preso em flagrante pro receptação (art. 180 CP – pena de 01 a 04 de reclusão) naquela cidade. Com as informações obtidas com a prisão de P. H., nossos policiais civis retornaram a Unaí com a finalidade de se representar pela prisão preventiva de E. F. C., 26 anos, cuja fotografia foi reconhecida pelas vítimas com um dos assaltantes. Com os elementos probatórios advindos da investigação, o Poder Judiciário da comarca decretou a prisão preventiva de Evandro, o qual foi preso pela Polícia Civil de Minas Gerias em Santo Antônio do Descoberto/GO e deverá ser julgado pelo crime de roubo (art. 157 CP – 04 a 10 anos) agravado pelo emprego de arma de fogo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aviso: nossos colaboradores estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas.Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

- Seja educado. Estar escondido atrás de um computador não dá direito a ninguém de ser diferente do que seria frente a frente.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.