,

,

Receba publicações por e-mail

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

.

Pacto de Desassociação em Massa chega de da dinheiro para associações pelegas

sexta-feira, 12 de maio de 2017

NONA COMPANHIA DE POLÍCIA MILITAR INDEPENDENTE

Resultado de imagem para NONA COMPANHIA DE POLÍCIA MILITAR INDEPENDENTEPOLICIA MILITAR PRENDE OS AUTORES DE UM DUPLO HOMICÍDIO OCORRIDO EM CONGONHAS/MG NO DIA 31/01/2017,

A POLÍCIA MILITAR PRENDEU NA NOITE DE ONTEM, DIA 11/05/2017, NO MUNICÍPIO DE JACINTO/MG, DIVISA COM A BAHIA, OS AUTORES DE UM DUPLO HOMICÍDIO OCORRIDO EM CONGONHAS/MG NO DIA 31/01/2017, APÓS UMA BRIGA FAMILIAR, SENDO ELES PAI E FILHO, QUE ASSASSINARAM OS SOBRINHOS/PRIMOS. OS AUTORES ESTAVAM COM MANDADO DE PRISÃO EM ABERTO APÓS TEREM FUGIDO DA CIDADE DE CONGONHAS LOGO APÓS O CRIME.



AS PRISÕES FORAM POSSÍVEIS APÓS INTENSO TRABALHO FEITO PELOS AGENTES DO SERVIÇO DE INTELIGENCIA DA POLICIA MILITAR DE CONGONHAS EM CONJUNTO COM OS MILITARES DO MUNICÍPIO DE JACINTO/MG, MUNICÍPIO PRÓXIMO DA DIVISA COM O ESTADO DA BAHIA ONDE OS AUTORES ESTAVAM ESCONDIDOS.

AS DILIGÊNCIAS REALIZADAS PELOS AGENTES DE INTELIGÊNCIA EM PARCERIA COM ALGUNS MILITARES DAQUELE MUNICÍPIO RESULTARAM NA PRISÃO DOS DOIS AUTORES NA DATA DE ONTEM, DIA  11/05/2017, POR VOLTA DAS 22 HORAS. UM DOS AUTORES, M.S.M, FOI ABORDADO EM UMA MOTOCICLETA NO CENTRO DA CIDADE, IDENTIFICANDO-SE COM O NOME DO IRMÃO NA TENTATIVA DE LIVRAR-SE DA AÇÃO POLICIAL, MAS DURANTE A ENTREVISTA PROCEDIDA PELOS MILITARES ACABOU CONFIRMANDO SUA VERDADEIRA IDENTIDADE SUA REAL IDENTIDADE E CONFESSANDO A AUTORIA DO DUPLO HOMICÍDIO, NEGANDO TODAVIA QUE SEU PAI ESTIVESSE COM ELE NA CIDADE.

NÃO SATISFEITOS, OS MILITARES PROSSEGUIRAM NAS DILIGÊNCIAS À PROCURA DO SEGUNDO AUTOR, A.C.M., O QUAL FOI LOCALIZADO E PRESO INSTANTES DEPOIS EM UMA RESIDÊNCIA NA RUA B, Nº 120, BAIRRO DR. SINVAL, NAQUELA CIDADE, ONDE ESTAVAM HOMIZIADOS.

OS AUTORES FORAM INFORMADOS DE SEUS DIREITOS CONSTITUCIONAIS E CONDUZIDOS E ENTREGUES NA DELEGACIA DE PLANTÃO DE ALMENARA DE ONDE SERÃO RECAMBIADOS EM BREVE PARA A CIDADE DE CONGONHAS PARA RESPONDEREM PELO CRIME PRATICADO.

COM ESSA AÇÃO A POLÍCIA MILITAR REFORÇA PERANTE A SOCIEDADE CONGONHENSE SUA MISSÃO DE PROMOVER SEGURANÇA PÚBLICA POR INTERMÉDIO DA POLÍCIA OSTENSIVA, COM RESPEITO AOS DIREITOS HUMANOS E PARTICIPAÇÃO SOCIAL, TRAZENDO AOS BRAÇOS DO PODER JUDICIÁRIO AUTORES DE UM CRIME BÁRBARO QUE IMAGINAVAM PERMANECER IMPUNES.