,

,

Receba publicações por e-mail

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

.

Pacto de Desassociação em Massa chega de da dinheiro para associações pelegas

segunda-feira, 19 de junho de 2017

SIGNIFICADO DAS DUAS FITAS PRETAS DAS BOINAS

As fitas pretas  na Boina são a homenagem dos Pára quedistas de todo o Mundo aos Camaradas que tombaram em combate na Operação MARKET GARDEN  durante a 2ª Guerra Mundial .

                                             
 PROFUNDO SIGNIFICADO HISTÓRICO 
  
 Tradição cinquentenária que sempre acompanhou o uso da mítica BOINA VERDE é, as duas fitas pretas pelo elevado simbolismo e incontornável significado histórico que transportam:
“…as fitas pretas da boina, são usadas em sinal de luto, recordando a Batalha de Arnhem (Operação MARKET-GARDEN), localidade dos Países Baixos onde os pára-quedistas aliados sofreram mais de 10.500 baixas entre mortos e desaparecidos." (2)
A Operação com o nome de código «MARKET-GARDEN» foi a maior operação aerotransportada das Forças Aliadas durante a 2ª Guerra Mundial.
Desencadeada no período compreendido entre 17 e 25 de Setembro de 1944, tinha como objectivo táctico capturar uma série de pontes sobre os principais rios dos PAÍSES BAIXOS que estavam sob ocupação alemã.
Esta acção militar contou com a participação das seguintes unidades pára-quedistas integrantes do 1º EXÉRCITO AEROTRANSPORTADO (1st AIRBORNE ARMY):

-  82ª DIVISÃO AEROTRANSPORTADA (EUA);
- 101ª DIVISÃO AEROTRANSPORTADA (EUA);
- 1ª DIVISÃO AEROTRANSPORTADA (REINO UNIDO);
- 1ª BRIGADA INDEPENDENTE DE PÁRA-QUEDISTAS (POLÓNIA).

Apesar das unidades pára-quedistas envolvidas terem cumprido as principais missões atribuídas, ocupando com êxito as primeiras pontes, a operação saldou-se por um fracasso parcial, e os pára-quedistas sofreram um elevado número de baixas.  REINO UNIDO - 6.484 ,  EUA - 3.974 ,  POLÔNIA - 102      
Muitos destes militares foram, ao contrário do que estabelece a CONVENÇÃO DE GENEBRA, cobardemente aniquilados ainda durante a sua descida em pára-quedas.
A campanha foi de tal maneira admirada nos quatros cantos do globo que ainda hoje, todas as TROPAS PÁRA-QUEDISTAS organizadas do mundo inteiro,independentemente da cor da boina adaptada, usam as duas fitas pretas em homenagem aos caídos nesta épica batalha.
Este histórico e profundo significado que as duas fitas pretas encerram foi, posteriormente, estendido a todos os mortos pára-quedistas nacionais caídos em acções de combate.

A Operação Market Garden foi uma operação militar aliada realizada durante a Segunda Guerra Mundial, entre os dias 17 e 25 de setembro de 1944. Seu objetivo tático era capturar uma série de pontes sobre os rios principais dos Países Baixos ocupados pelos alemães. Para isso, foram utilizadas tropas pára-quedistas em larga escala, em conjunto com um rápido avanço de unidades blindadas pelas estradas, a fim de atingir o propósito estratégico de permitir que os Aliados pudessem atravessar o Reno, a última grande barreira natural a um avanço sobre a Alemanha.
Pouco depois das 10:00 da manhã de um domingo, 17 de Setembro de 1944, decolou de aeroportos dispersos por todo sul da Inglaterra a maior força de aviões de transporte de tropa, até então reunida para uma única operação. Naquela semana - a 263ª da Segunda Guerra Mundial - o Comandante Supremo das Forças Alidas, General Dwight David Eisenhower, desencadeou a Operação Market-Garden, uma das mais ousadas e engenhosas da guerra. Market-Garden, uma ofensiva combinada aeroterrestre e de superfície, idealizada pelo Marechal de Campo Bernard Law Montegomery. A sua fase aerotransportada( Market ) da operação foi monumental: envolveu quase 5000 aviões, de caça, bombardeiros e de transporte de pessoal e mais de 2500 planadores, o qual seria um assalto diurno sem precedentes para as tropas para-quedistas.

 No solo, dispostos ao longo da fronteira belgo-holandesa, estavam as forças da faseGarden, colunas compactas de carros de combate do Segundo Exército Inglês. O plano ambicioso visava lançar velozmente a tropa e os blindados através da Holanda, transpor o Reno e invadir a própria Alemanha.
Inicialmente, a operação teve sucesso, com a conquista da ponte sobre o rio Waalem Nimegue no dia 20 de setembro. Entretanto, acabou por ser uma falha geral devido à ponte de Arnhem, a última do Reno, não ter sido conquistada, e ao fato da Primeira Divisão Aerotransportada Britânica ter sido destruída na batalha, apesar de terem suportado muito mais do que era estimado antes da implementação. O Reno permaneceria uma barreira ao avanço aliado até as Ofensivas Aliadas realizadas em Março de 1945.
O general Montgomery contou com 3 divisões aerotransportadas: as 101ª e 82ª divisões americanas, a 1ª divisão pára-quedista inglesa e uma brigada pára-quedista polaca.