31 32352700

.

.

sexta-feira, 29 de julho de 2016

AÇÃO CONJUNTA TM 16º BPM



TM 23258 ( CMDO )

Sgt Machado
Sd Mathioli
Sd Marcio

TM 23257

Sgt Thiago Tavares
Sd Heitor
Sd Flavio Lopes

TM 23260

Sgt Cruz
Cb Ramos
Sd Franthesco

Após, informe passado pelo COPOM, as guarnições citadas, com o direcionamento do Sgt Machado, determinou-se que as TMs deslocassem e fechasse as ruas de acesso ao bairro Acaiaca no intuito de localizar um indivíduo em uma Moto CB300 branca.

Após a insistência dos guerreiros dos TMs foram interceptado o menor próximo à rua Antônio Ribeiro de Abreu, assim, foi procedida sua abordagem.

Tratava-se de alvo de vários DDUs o menor, pois, era mula do tráfico, e nesta presente data, se deu mal, pois os bravos guerreiros da TMs quebrou a firma dos M5, pois, o menor que transportava as drogas para o abastecimento do bairro foi interceptado pelas TMs, sendo que o Sgt Machado com seu tirocínio logrou êxito em visualizar a moto, informar as demais TMs e abordar a mula.

Assim, foi localizado a droga apreendida abaixo:

1003 pinos de Cocaina
01 moto apreendida
01 menor apreendido (mula do tráfico)


Bolsonaro está deixando toda mídia comprada maluca.

Síndrome do 'idiota confiante' explica ascensão de Donald Trump e Jair Bolsonaro



“O problema com o mundo moderno é que os idiotas estão seguros e os inteligentes cada vez mais cheios de dúvidas”.
A frase do filósofo galês Bertrand Russel (1872-1970) foi escrita na década de 1930 como um alerta.
Vencedor do Nobel de literatura em 1950, Russel ganhou notoriedade como defensor da vida criativa, moderna e racional que os totalitarismos de seu tempo (nazismo, fascismo ou comunismo) ameaçavam.
O paradoxo do pensamento de Russel é a base do conceito do chamado “efeito Dunning-Kruger” ou a síndrome do “idiota confiante”.
Trata-se do distúrbio cognitivo dos indivíduos que ignoram o limite da própria ignorância. O conceito foi criado em 1999 em um artigo publicado por dois psicólogos americanos da Universidade de Cornell, Justin Kruger e David Dunning.
“Os incompetentes são frequentemente abençoados com uma confiança inadequada, afiançada por alguma coisa que, para eles, parece conhecimento”, diz trecho do artigo.
Nesta semana, o próprio Dunning publicou no sitePolitico um texto em que sugere que sua teoria seria a chave para justificar a ascensão do candidato republicano Donald Trump à liderança das pesquisas na eleição presidencial americana.
No artigo, o pesquisador explica como Trump fala grosso, mas mostra desconhecimento completo sobre temas fundamentais do cargo que pleiteia, como o programa nuclear americano ou a política externa do país.

Dunning sugere que parte dos eleitores, em especial aqueles que enfrentam sofrimentos materiais e emocionais, gosta das bravatas de Trump, mas não reconhece suas gafes como erros porque não sabe que elas são erros.
“A única coisa que a gente sabe é o limite do próprio conhecimento. Se você não entende que a verdade é construção histórica e que o ponto de vista do diferente é essencial para conhecê-la, você se torna um ‘idiota confiante’. Isto é cimento para fundamentalismos”, afirma o filósofo e professor de ética da PUC PR Bortolo Valle
Bolsonaro
Está permitido terminar amizade por causa do Bolsonaro
Posicionamento político que condena minorias não precisa ser tolerado em grupos sociais
Leia a matéria completa
O psicólogo Akim Rohula Neto observa que este tipo de “compromisso com o erro” é uma das marcas da sociedade contemporânea na qual “a opinião se tornou o valor maior”.
“A maior parte de nós faz generalizações sobre temas que não conhecemos nem de longe. Trocamos o conhecimento por uma opinião rasa que passa a ser o real para nós”.
Para Rohula Neto, em momentos eleitorais este efeito “se massifica” podendo justificar o destaque de líderes como Trump ou o ultraconservador deputado federal brasileiro Jair Bolsonaro (PP).
Parlamentar desde a década de 1980, Bolsonaro não tem projetos ou ações importantes no currículo. No entanto, com seus posicionamentos veementes sobre temas como moral ou segurança (mesmo que em descompasso com regras constitucionais), o político já consegue amealhar parcela significativa do eleitorado em pesquisas sobre a corrida presidencial em 2018.
“Quando um candidato sobe ao palanque, o compromisso dele não é com o realismo da proposta. Como líder, ele precisa cativar uma massa com a solução de um problema, pouco importa se ela é real. Sempre foi assim, seja o líder Lula, Stalin, Trump ou Bolsonaro”.

Lançamos um aplicativo grátis para o Brasil todo, voltado à nova lei do farol baixo durante o dia.


O aplicativo já virou notícias nos principais canais de Goiás como: TV Anhanguera (Globo), TV Serra Dourada (SBT), Jornal da Record, TV Goiânia (Band), e também nas principais rádios como: CBN, Interativa, 99,5 FM.

Caso tenha interesse em divulgar o aplicativo segue anexo nosso release.
Estamos à disposição para maiores informações.



Delegados da PF em Minas Gerais fazem protesto em Belo Horizonte



Categoria reivindica cumprimento de acordo com governo federal.
Segundo associação, trato previa reposição de perdas salariais.

Delegados da Polícia Federal, em Minas, fizeram um protesto nesta sexta-feira (29) na sede da corporação em Belo Horizonte. De acordo com a Associação Nacional dos Delegados da Polícia Federal (ADPF), a categoria reivindica o cumprimento de um acordo com o governo federal que previa a reposição de perdas salariais desde 2012.
A manifestação reuniu cerca de 30 pessoas em frente à superintendência da Polícia Federal, no bairro Gutierrez, na Região Oeste da capital mineira. Os policiais alegam que o governo federal não apresentou ao Congresso Nacional o projeto de lei que trata da recomposição das perdas inflacionárias relativas ao período entre janeiro de 2012 e maio de 2016.
Segundo a ADPF, o acordo foi firmado pelo governo com a categoria em maio deste ano. Ainda conforme a associação, o movimento é nacional e a categoria está em indicativo de greve.
O Ministério da Justiça e a superintendência da PF em Minas foram procurados, mas não se pronunciaram.

Operação cumprimento de Mandado de busca na 70° Cia PM.

Nessa data deslocamos até a rua Dante Belei 102 no Sta Cândida, onde é local de conhecido tráfico de drogas! Ao adentrarmos no local observamos a movimentação do alvo do MBA, tentando evadir, daí começamos as buscas onde encontramos

01 PT 380 Taurus milleniun com um carregador e 20 munições. Com numeração!

02 carregador de 9mm.
01 HT baofeng na frequência da PMMG.
22 tabletes de maconha,
12 pedras brutas CRACK,
73 pedras pequenas de crack,
37 papelotes de cocaína
e
R$6941,00 em moeda corrente

Ocorrência na DG para ser entregue. Operação realizada com o efetivo valioso da operação Alferes Tiradentes.


Curso de Tripulante operacional - interno



Curso interno de Piloto.



EDITAL >>>

Solenidade no 13BPM. Cabo Alexsander Dias foi agraciado com a Medalha de Mérito Militar Grau Bronze.



Vagas para cursos na PMMG 2017


Militar apreende motocicleta e tem carro incendiado em Indianópolis


A polícia procura pelo suspeito de incendiar o veículo de um militar em Indianópolis, no Triângulo Mineiro.

O ato de vandalismo aconteceu em frente ao quartel, no centro, no final da noite dessa quinta-feira (28), logo após a apreensão de uma motocicleta. A Honda ML 125 prata e seu condutor são antigos conhecidos da Polícia Militar por rodarem sem os documentos obrigatórios.


Polícia combate fraude em compra de medicamentos pelo Ipsemg


A Polícia Civil, com suporte técnico da Controladoria Geral do Estado (CGE), realizou na manhã desta sexta-feira (29) uma operação que investiga fraude em aquisições de medicamentos pelo Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais (Ipsemg).

Fontes da Polícia Civil ouvidas por O TEMPO informaram que, além de medicamentos, a operação investiga também irregularidades na compra de outros materiais hospitalares. O esquema de corrupção envolve um conluio entre médicos e servidores do Ipsemg com empresas fornecedoras dos produtos. “Há indícios de um esquema milionário para favorecer essas empresas, que pagavam propina ao médico responsável”, disse a fonte.

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão na sede da empresa Farmaconn, no Bairro Cachoeirinha, e nas residências dos suspeitos André Eduardo dos Santos Scarpelli, 48 anos, pregoeiro do Ipsemg; Alexandre Savi, 46 anos, dono da Farmaconn; Rodrigo Roberto da Silva, 40 anos, gerente de licitações da Farmaconn e Marco Aurélio Biaggini, 61 anos, gerente de vendas da empresa.


Não está participando da promoção?


Correeeee que ainda dá tempo de participar!

Link da promoção: http://yesfb.info/LJDIG

Pimentel sanciona projeto da reforma administrativa de Minas Gerais


O Diário Oficial de Minas Gerais publicou nesta quinta-feira (28) a sanção da lei 22.257/2016 que faz parte da reforma administrativa proposta pelo governador Fernando Pimentel (PT). Ele foi aprovado no dia 5 de julho em turno único na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).
A reestruturação inclui o desmembramento, a transformação e a extinção de cargos, de secretarias e outros órgãos públicos, além de alterações na subordinação de conselhos, na vinculação de entidades e na composição de colegiados e câmaras.
Conforme a assembleia, cerca de 18 mil cargos foram extintos. Segundo a assembleia, houve um acordo para garantir que os servidores administrativos da secretaria de defesa social sejam lotados nas secretarias de Segurança Pública e de Administração Prisional, evitando que eles sejam transferidos para outros órgãos do governo.
O governador ainda vetou parcialmente a proposição de lei nº 23.125, criada a partir do projeto de lei do executivo. Um dos oito artigos vetados previa que a Junta Comercial do Estado de Minas Gerais (Jucemg) ficaria vinculada à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sedectes), mas o governador decidiu que ela ficará com a Secretaria de Estado de Fazenda (SEF), "concluiu-se haver maior harmonia e complementariedade entre a referida autarquia e a SEF", disse Pimentel.


11° Cia Mesp - Tráfico Drogas no bairro Vilage 2


Rua 26

01 autor preso
02 revólveres cal.32
06 munições cal.32
532 buchas de maconha
12 tabletes de maconha
04 cocaina
01 balança de precisão digital
03 porções de maconha
R$ 1.492 reais em dinheiro.

ROTAM
Cb Euder
Cb Pablo
Cb Aquino
Sd Magdiel

PRF e PM apreendem cerca de 140 kg de droga em abordagem na BR-153


Cerca de 140 quilos de maconha foram apreendidos na BR-153 em ação conjunta da Polícia Rodoviária Federal (PRF) com a Polícia Militar (PM) de Uberlândia, na madrugada desta sexta-feira (29). Um jovem de 24 anos, que transportava a droga, foi conduzido à Polícia Federal (PF).
Segundo o major Julio Cesar Cerizze, a PM recebeu uma denúncia anônima informando que a droga chegaria em Uberlândia.  Uma operação entre as duas polícias foi montada no trevo que da acesso à Prata. Ao avistarem o veículo com as características informadas, foi feita uma tentativa de abordagem, e o suspeito tentou fugir, mas uma viatura do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) conseguiu prendê-lo.
Ainda de acordo com o major, o jovem não tinha passagens pela polícia e não há informações de onde ele tenha saído. Contudo, há suspeita de que seja do Mato Grosso do Sul ou São Paulo e que a droga seja do Paraguai ou da Bolívia.
A droga e o autor foram levados para a Polícia Federal. Ele é natural de Campina Verde, mas morava em Uberlândia. O carro usado para o transporte da droga foi roubado na cidade no dia 22 de junho.


Bom dia Amigos, Que Deus ilumine nossos caminhos, ontem o Cb Júlio postou que o desgoverno Petralha...


Bom dia Amigos,
Que Deus ilumine nossos caminhos, ontem o Cb Júlio postou que o desgoverno Petralha vai LOCAR seiscentos e poucos veículos para o Estado, devendo chegar a 1000 viaturas, eu acredito que não é disto que estamos precisando, o policial precisa de motivação, salário em dia, uma remuneração digna, política salarial com previsão pelo menos das decomposições das perdas e disto que precisamos nossa família não anda de viatura, viatura não é nosso alimento, portanto o desgoverno petista com seu Vice líder não estão ouvindo nossa voz, temos que erguer nossa voz e agora é a hora, eleições municipais vamos eleger o máximo de PMs em todos os níveis e não eleger Petistas e afins. Reflitam sobre isto e boa sexta feira para todos.
Sub Ten Cláudio Corrêa Netto

Memorando 40235 do EMPM



Memorando 40235 do EMPM determinado o recolhimento de várias viaturas para as olimpiadas?
Deixando as Unidades com o mínimo do mínimo?
É ainda por cima outra ordem para recolher as viaturas antigas que poderiam ajudar?

Aspra PM/BM


Amanhã na Radio Aspra, 14 horas! Ouça por meio do www.aspra.org.br/radio

CITEROL


Condição especial para os novos alunos do CFSD PMMG de 2016. Parcelamento em até 8x sem juros*, desconto direto em folha de pagamento* e para compras acima de R$600,00, receba 20% de desconto em seu conjunto de formatura (C1 ou Túnica). Compre através de nossas lojas itinerantes ( confira o roteiro no site www.citerol.com.br/agenda.php ) , pelo televendas 0800 031 6152 ou pela internet www.citerol.com.br.
*Consulte Condições

*Saiu a escala de trabalho das Olimpíadas 2016:*


Poder Judiciário - Recesso
Ministério Público - Recesso
Defensoria Pública - Recesso
PM - Férias suspensas + escala extras
PC- Férias suspensas + escala extra

QUANTO VALE UM POLICIAL?


HPM atendeu...


Pode isso?


vc's acreditam q o PM envolvido na prisão do prefeito vai responder sindicância pq o prefeito alegou perseguição...


Fraude em compra de medicamentos pelo Ipsemg detém empresários



Estão sendo realizadas conduções coercitivas, buscas e apreensões na casa de servidores e empresários do Ipsemg e na empresa Farmaconn; acompanhe com exclusividade

A Polícia Civil, com suporte técnico da Controladoria Geral do Estado (CGE), realiza na manhã desta sexta-feira (29) uma operação que investiga fraude em aquisições de medicamentos pelo Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais Ipsemg.

Estão sendo realizadas buscas e apreensões na casa de servidores e empresários, no Ipsemg e na empresa Farmaconn, além da conduções coercitivas.

Aguarde mais informações.

JORNAL O TEMPO

GUARNIÇÃO TM 22° BPM DEPARA COM FURTO EM ANDAMENTO E PRENDE DOIS INDIVÍDUOS.



Durante patrulhamento TÁTICO MÓVEL pela região do bairro Sion,  visando coibir a prática de crimes violentos a TM 23267 patrulhava a avenida nossa senhora do carmo, sentido centro, quando deparou com um indivíduo em atitude suspeita na rua Cristina. Realizado a abordagem foi localizado com o abordado alguns objetos de procedência duvidosa. Ao ser verificado as imediações a equipe constatou que um restaurante na referida rua havia sido arrombado e que havia um outro ladrão no seu interior. Realizado o adentramento tático no estabelecimento o ladrão foi abordado e preso.

Na ação foi recuperado diversos objetos que haviam sido subtraido do estabelecimento, sendo eles:

01 furadeira;

01 computador;

R$36,00 em dinheiro;

01 máquina leitora de cartão

03 controles de TV;

01 Ticket R$15,00;

01 Faça;

01 segueta;

01 pedra utilizada para romper obstáculo.

Ocorrência encaminhada para o Uniflan Barreiro.

Equipe:

TM23267
Cb Lucas;
Sd Otoni
Sd Décio

TM Cmdo
Ten Márcio;
Sd Aquino;
Sd Jander;

TM23274
Sgt Alves;
Cb Louvera;
Sd Thiago Elmaes

AGENTE PENITENCIÁRIO REAGE A ASSALTO, ALVEJA UM ASSALTANTE E IMOBILIZA OUTRO.



   O Agente Penitenciário Maurício HPT lotado no presídio de Vespasiano reagiu um assalto agora a pouco na avenida Ivai altura do número 125 no bairro Dom Bosco em Belo Horizonte. Ele foi abordado por dois assaltantes. Durante a reação, o agente penitenciário (M) efetuou um único disparo contra um dos assaltantes que com a reação estava mais agressivo e conseguiu imobilizar o segundo assaltante.

 O infrator alvejado por (M), foi socorrido pelo SAMU e levado ao pronto-socorro do Hospital João XXIII e o segundo infrator assim como o agente penitenciário (M) acompanhado de testemunhas foram levados a 9° Companhia da Polícia Militar da Via Expressa em Belo Horizonte para a lavratura do REDS e posteriormente serão conduzidos à Central de Flagrantes II do bairro Floresta para entregar a ocorrência ao delegado de polícia.

Sidney Aparecido - ASP

A história de CB Dick



Em 1953 um homem abandonou um filhote de Pastor Alemão à porta do Canil da Polícia Militar no Barro Branco. Este pequeno e indefeso filhote foi então  acolhido e treinado pela Polícia Militar, dentro de suas rígidas normas.

Pouco tempo depois Dick, como passou a ser conhecido, já estava treinado e apto a ajudar seu parceiro inseparável, o soldado José Muniz de Souza. Não precisaram de muitas missões para perceber que se tratava de um cachorro especial e logo Dick já era o campeão das buscas realizadas pela PM. Mas o que fez este cachorro ser tão especial, foi um fato que comoveu a cidade inteira e mudou completamente o destino de uma família e do Canil da Polícia Militar de São Paulo.

O Governador de São Paulo, na época, era Jânio Quadros, que mesmo contra a opinião pública, queria o fim dos cachorros na PM: “Faça os cães trabalharem, ou dissolva a matilha”. Neste momento, um menino foi sequestrado na porta da sua casa. Chamava-se Eduardo Jaime Benevides, ou como ficou conhecido, “Eduardinho”. Jânio Quadros determinou que não fossem poupados esforços para encontrá-lo e destacou investigadores, delegados e viaturas à sua procura. Porém, após três dias de procura, nem sinal do menino.

Jânio se pronuncia novamente: “Desejo saber detalhes sobre o desaparecimento do menino. Gostaria de recomendar à promoção os que deslindarem o mistério”. Em uma última esperança, designaram os soldados e cães do Canil da Polícia Militar para encontrar “Eduardinho”. A seu favor, apenas o travesseiro do menino, para que os cachorros seguissem seu cheiro.

José Muniz de Souza e seus companheiros seguiram mato adentro até que Dick parou e começou a latir. O rastro do menino tinha sido encontrado e na sequência ele já conseguia ouvir o tênue choro de “Eduardinho” faminto e com muito frio, dentro de um buraco de um metro e meio de profundidade e coberto por folhas e zinco, na área onde hoje fica o Zoológico de São Paulo. Depois de resgatado, Eduardo disse que pediu a Deus que enviasse um anjo para salvá-lo.

O Governador cumpriu sua promessa. A dupla agora eram Cabo José Muniz de Souza e Cabo Dick, que ainda recebeu como prémio pelo salvamento uma coleira de prata.

Prêmio ainda maior, foi a decisão de manter o canil e seguir com o trabalho dos cachorros e policiais, em um esforço que vem salvando muitas vidas desde então.

As histórias do Cabo Dick são contadas até hoje e seu nome é tido como o de um grande herói dentro da corporação. Um herói que veio das ruas, rejeitado pelo seu dono, que não conseguiu ver o presente que Deus tinha lhe enviado. O busto do Cabo Dick foi esculpido e se encontra no Canil da Polícia Militar de São Paulo.

Nela está escrito: Ao “Cabo Dick” Campeão das Buscas Policias. A Todos os Cães, Exemplo de Fidelidade, Coragem e Afeição”.

Presos filmam equipamentos sendo colocados em presídio do RN


Na manhã desta quinta-feira (28), alguns detentos da Penitenciária Estadual de Parnamirim (PEP) fizeram uma filmagem da instalação dos bloqueadores de celulares no presídio.

Segundo áudios divulgados no whatsapp pelos membros Sindicato do RN caso os equipamentos sejam colocados, eles vão aterroriza a cidade tocando fogo em ônibus.
  
Blog do Diego Junior

Policial poderá ter presunção de legítima defesa para uso de arma de fogo

Fraga: adotando todas as cautelas, a presunção de legitimidade deve militar em favor de quem atende às exigências legais quanto à propriedade e o porte de arma

Proposta em análise na Câmara dos Deputados determina que o uso de arma de fogo por forças policiais de segurança pública seja sempre considerado legítima defesa, até prova em contrário. A medida, prevista no Projeto de Lei 713/15, do deputado Alberto Fraga (DEM-DF), modifica o Código Penal (Decreto-Lei 2.848/40).


Segundo o autor, nos casos de troca de tiros entre policiais e criminosos, os policiais são obrigados a demonstrar que agiram em legítima defesa e não cometeram qualquer excesso.

“Os servidores de segurança pública se veem obrigados a cumprir uma série de exigências legais para o porte e emprego de arma de fogo, já os delinquentes agem completamente fora dos ditames legais, causando embaraços judiciais e riscos à saúde e à vida das pessoas”, argumenta Fraga. “A condição daquele que se comporta na clandestinidade torna-se mais cômoda, gerando ônus ao servidor público”, completa.

Na opinião de Fraga, a justiça deve considerar, até prova cabal em sentido contrário, que o servidor de segurança pública agiu em legítima defesa.

Tramitação
O projeto será analisado pelas comissões de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado; e de Constituição e Justiça e de Cidadania. Depois, seguirá para o Plenário.


Reportagem – Murilo Souza
Edição – Natalia Doederlein

Agência Câmara Notícias

TRÁFICO DE DROGAS 187°CIA 33°BPM



BO : 12807095

RUA   Paulino XXXXXX, XX  Petrópolis.

Autor : FVGS,  19 anos,  RG 14. XXX. 939

PPA 23843
Sgt Rigo
Sd Paulo


GEPAR 23357
SGT TEIXEIRA
CB LEANDRO
SD GISELE

PAC 24106
Sgt Monteiro
Sd  Raphael

Em patrulhamento pelo Bairro Petrópolis, a PPA 23843 recebeu informações que tinha um indivíduo neste endereço traficando e possuía uma arma de fogo,  de posse das informações  juntamente com o GEPAR 23357 lograram êxito na prisão do autor e apreensão dos matérias e arma de fogo.  Autor encaminhado para DP de Plantão Betim.

MATERIAIS APREENDIDOS

01 Espingarda calibre 28;
07 Munições calibre 28 intactas;
01 Autor preso;
114 Buchas de maconha;
28 pinos de cocaina;
R$ 300,00 em dinheiro;
01 faca;
01 mochila.

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Brevê Proerd



Confira o memorando

GEPAR 11ª CIA/41° BPM TRÁFICO DE DROGAS


LOCAL: Rua Paramirim, Bairro Bonsucesso.

EQUIPE:
GEPAR 11
Cb Danilo
Sd Luiz Gustavo
Sd Fideles

Durante operação para coibir o tráfico ilícito de entorpecentes na região do BONSUCESSO, o GEPAR 11 logrou êxito na apreensão de um menor e uma carga de drogas. Ressalta-se que o menor já fora apreendido outras vezes no mesmo local pela guarnição.O menor está com MBA em aberto.

MATERIAIS APREENDIDOS:
47 buchas de maconha
32 pinos de cocaína
21 pedras de crack
01 celular
R$ 70,00

01 INDIVÍDUO CONDUZIDO

Em 2016, bombeiros já combateram 3.500 incêndios florestais


O Corpo de Bombeiros já atendeu cerca 3.500 ocorrências de combate a incêndio florestal no Estado só neste ano. O levantamento, que leva em conta os atendimentos de janeiro a maio deste ano, mostra uma diminuição de 66 ocorrências em relação ao contabilizado no mesmo período de 2015, quando foram atendidas 3.566 queimadas.

O balanço lembra que, desses 3.500 incêndios registrados neste ano, 40 ocorreram dentro de Unidades de Conservação Estadual.

Estes números podem aumentar drasticamente, uma vez as ocorrências registradas em junho e julho, período onde não foram registradas chuvas significativas em grande parte do Estado, ainda não foram somadas no levantamento.


Portar armas brancas com mais de 10 cm passa a ser proibido em Minas


O governador Fernando Pimentel sancionou a lei que proíbe o porte em Minas Gerais de instrumentos cortantes ou perfurantes, como facas e canivetes, que a lâmina tenha mais de dez centímetros. Quem for pego com esse tipo de objeto pode ser multado em R$ 2.709,81. A sanção foi publicada nesta quinta-feira (28) no Diário Oficial de Minas Gerais.

O Projeto de Lei (PL) 2227/2015 é do deputado estadual cabo Júlio (PMDB). A justificativa do político foi devido aos registros de crimes praticados com esses instrumentos.

Além de facas e canivetes, entram como “armas brancas” para essa lei punhais, espadas, floretes, objeto usado na esgrima, espadins, um tipo de espada, e similares que possam ser usados durante uma ação ofensiva.

No entanto, de acordo com o documento, “não configura porte de arma branca o transporte do artefato novo, na embalagem original, em bolsas, malas, sacolas, em veículos, desde que acondicionados em mala ou caixa de ferramentas e em razão de atividade econômica desempenhada pelo transportador”.

De acordo com o Ministério da Saúde, baseado em dados do Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM), em 2014 foram registradas 24 mortes por penetração no corpo de objetos cortantes e 663 internações pela mesma causa no país todo.

Em 2015, segundo dados da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais, em Belo Horizonte, 14 pessoas morreram por objetos cortantes ou penetrantes. Até maio de 2016 consta no sistema dois óbitos.


Olimpíada: Servidores mineiros serão liberados até 6 horas antes de jogos em BH



Por Guilherme  Scarpellini

Posted on 3 horas


Os servidores públicos de Minas Gerais lotados em Belo Horizonte terão jornada de trabalho reduzida e ponto facultativo em dias de Jogos Olímpicos realizados na cidade. Um comunicado assinado pelo secretário de Estado de Governo, Odair Cunha (PT), foi publicado na edição desta quinta-feira (28) do Diário Oficial de Minas Gerais.

A capital mineira receberá dez partidas de futebol pela Olimpíada 2016 entre os dias 3 e 20 de agosto, a serem realizadas no estádio Governador Magalhães Pinto, o Mineirão.

A primeira partida será na próxima quarta-feira (3) entre as seleções femininas de futebol dos Estados Unidos e da Nova Zelândia. Neste dia, a jornada de trabalho nas repartições públicas estaduais será de 8h às 13h — o jogo acontece às 19h.

As próxima partidas realizadas durante a semana serão entre Argélia e Portugal, e Fiji e Alemanha — ambas pelo torneio masculino de futebol. As partidas que ocorrerão na quarta-feira (10) têm início às 13h e 16h, respectivamente, sendo que as repartições públicas do Estado funcionarão com a presença facultativa de seus servidores.

Na terça-feira (16) está marcada para às 16h a semifinal do torneio feminino. Os servidores públicos terão autonomia para ir ou não ao trabalho.

Ainda no comunicado assinado pelo secretário de Governo, há a determinação de que os serviços de natureza médico-hospitalar, de segurança pública, os das Unidades de Atendimento Integrado (UAI) — no âmbito da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) —, os da Fundação TV Minas Cultural e Educativa e dos museus cumprirão normalmente as jornadas de trabalho.



BHAZ

Concurso dos bombeiros exige 'teste de virgindade' ou Papanicolau no DF


Não há exigência similar para homens; comissão não vê irregularidade. Especialista afirma que medida fere direito à intimidade das candidatas.

Um dos exames exigidos no concurso do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal tem causado estranhamento: mulheres devem apresentar laudo do Papanicolau (cientificamente conhecido como colpocitopatologia oncótica, exame ginecológico realizado como prevenção ao câncer do colo de útero e ao HPV) ou comprovar que não tiveram o hímen rompido – ou seja, ainda são “virgens”. Não há exigências semelhantes para homens. Em nota, a corporação disse não considerar a medida discriminatória e afirmou que o objetivo é aferir “a condição física e laboral dos candidatos”.

A comissão do concurso afirmou que não necessariamente uma alteração no exame vai excluir uma candidata e que os dados serão mantidos em sigilo. O concurso oferece 779 vagas e salários que variam entre R$ 5,1 mil e R$ 11,6 mil. As inscrições foram abertas no dia 18 de julho e seguem até 18 de agosto. A prova é prevista para o dia 9 de outubro.

Para a banca, não há necessidade de exames semelhantes para homens. “Sobre o exame de próstata, informamos que se trata de um exame preventivo indicado pelo médico aos homens a partir dos 40 anos de idade, sendo esta idade superior ao limite exigido para ingresso nos quadros da corporação”, disse. Também não há solicitações de exames para doenças sexualmente transmissíveis, nem mesmo HPV.

“Entendemos que a exigência do exame complementar citado não viola o sigilo das candidatas, tampouco desrespeita o direito à intimidade, à honra e à imagem. Pelo contrário, retrata o cuidado e o zelo que a corporação possui com os futuros militares, tudo em conformidade com a lei, a jurisprudência, e com orientações e determinações dos órgãos de controle do CBMDF [Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal]”, completa.

Especialista em concursos públicos, o advogado Fábio Ximenes disse considerar a exigência uma “atrocidade”. “Fere o direito à intimidade, sim, da candidata. Viola diversos princípios administrativos e constitucionais, como o princípio da isonomia, fere o princípio constitucional da discriminação, porque não pode haver discriminação de nenhum gênero, nem para homem, nem para mulher. Já aconteceu outras vezes e é totalmente imoral. É inconstitucional o edital cobrar esse tipo de conduta da candidata.”

Trecho de edital do concurso do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal que fala sobre teste de virgindade para candidatas

O advogado afirma ainda que os testes são irrelevantes para determinar a aptidão das candidatas à profissão. “Se a gente for apreciar se isso [os resultados] seria relevante para o cargo, não é. Não impede o exercício de cargo de bombeiro ou policial ou qualquer cargo.  Isso não tem relação nenhuma com as atribuições do cargo de bombeiro. Isso já é explicitamente antiético. A exclusão de candidatos por esse tipo de conduta seria totalmente contra a Constituição.”

Outros casos
Exigências semelhantes já foram questionadas anteriormente. Após receber denúncias, a Defensoria Pública acionou o estado de São Paulo em 2014 para acabar com a obrigação para candidatas aos concursos do governo.

Em 2015, a Justiça do Acre suspendeu o concurso para oficiais da Polícia Militar que trazia uma série de proibições aos candidatos, incluindo tatuagens na cabeça, pescoço e nos braços; cicatrizes "antiestéticas"; e ocorrência de testículo único, salvo em casos congênitos.

G1DF

'Falso' terrorista deixa recado na Savassi: "descansem em paz"



“Eu sou terrorista e há uma bomba aqui. Descansem em paz”. A mensagem foi deixada em uma agência bancária na Savassi, região Centro-Sul de Belo Horizonte, e mobilizou militares do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate).

Apesar do pavor, vistorias foram realizadas e nenhum explosivo foi encontrado. O caso aconteceu na manhã desta quinta-feira (28) na Caixa Econômica Federal (CEF) localizada na avenida Cristóvão Colombo.

De acordo com a Polícia Militar, um segurança da agência encontrou um envelope com os dizeres em inglês. Ele inspecionou o local, mas não encontrou nenhum material que pudesse oferecer perigo. Mesmo assim, por questão de segurança, o Gate foi acionado e também vasculhou a agência.

Bombeira que fez fotos sensuais diz que punição foi por 'preconceito'



Após a bombeira Lilian Vilas Boas, do 7º Grupamento do Corpo de Bombeiros de Curitiba, ter feito um ensaio sensual e ter sido denunciada por uma delegada do Rio de Janeiro, ela poderá passar 8 dias no quartel do batalhão de onde é lotada.

Segundo o boletim interno do Corpo de Bombeiros, Lilian infringiu artigos do Regulamento de Ética da Polícia Militar (PM), o Regime Disciplinar do Exército (RDE), e o do Código da PM. Para a instituição, as fotos sensuais desgastaram a imagem da corporação e feriu a honra dos bombeiros.



Em entrevista ao portal G1, Lilian disse que prefere não comentar sobre o acontecido, mas que acha que o caso só chegou nessas proporções porque envolve a igualdade de gêneros. De acordo com o criador do projeto Velvet, o fotógrafo Arnaldo Belotto, o objetivo das fotos é exautar o empoderamento feminino. Lilian já procurou um advogado e recorrerá da decisão

TENTATIVA DE ROUBO A PM – AUTOR BALEADO


BETIM (33º BPM/2ª RPM) em 280900Jul2016-Qui




Na Rua FELIPE xxxxx, nº xxx Centro,  um policial militar  (BPChq), de folga e à paisana, manobrava seu veiculo HONDA/CIVIC, quando foi abordado por um indivíduo armado com um revólver cal. 38, que anunciou o roubo. O militar reagiu e alvejou o autor, o qual foi socorrido ao Hospital Regional de BETIM. Militar nada sofreu. A arma de fogo do autor apreendida. Ocorrência em andamento.

Comissão aprova fim de perda automática de cargo para condenado por tortura



Relator sugere que a perda do cargo público fique condicionada à condenação superior a quatro anos de prisão

A Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado aprovou proposta que condiciona a perda de funções, cargos ou patentes dos agentes públicos por crime de tortura à condenação com pena de quatro anos ou mais. Mesmo com condenação superior a esse prazo, o agente público poderá não perder o cargo. A perda também deverá ter motivação declarada na sentença judicial.

Luis Macedo / Câmara dos Deputados



Carvalho: não se defende a não condenação do agente que cometa tortura, mas, sim, a isonomia de tratamento com aqueles apenados pela lei geral penal

O texto, aprovado no último dia 21 de junho, é um substitutivo do deputado Laudivio Carvalho (SD-MG) ao Projeto de Lei (PL 7885/14), do deputado Subtenente Gonzaga (PDT-MG), que estabelece procedimento específico – análise do histórico profissional e da natureza da função – para destituir policiais civis e militares condenados por crime de tortura.

O substitutivo também engloba um projeto apensado (PL 4472/16), que determina a instauração de processo administrativo disciplinar para avaliação da permanência ou perda de cargo.

A proposta modifica a Lei 9.455/97, que define os crimes de tortura e dá outras providências. Atualmente, a lei dos crimes de tortura, afirma que a condenação acarreta perda de cargo, função ou emprego público e a interdição para exercício pelo dobro da pena. A interdição foi mantida pela proposta.

Isonomia
Segundo o relator na comissão, deputado Laudivio Carvalho, tanto o projeto original quanto o apensado propõem um processo autônomo ao da condenação criminal para analisar a perda de cargo. As mudanças aplicariam, assim, a mesma regra dos oficiais das forças armadas, que só perdem o posto e a patente depois de julgamento específico após condenação a pena de prisão de mais de dois anos.

“Não se defende a não condenação do agente de estado que cometa tortura ou o não perdimento do seu vínculo. Mas a isonomia com os apenados pela lei geral penal, relativamente aos efeitos secundários da condenação”, disse Carvalho.

A proposta busca evitar que a consequência administrativa da condenação por tortura seja automática e obrigatória. “Com isto, iremos eliminar do nosso sistema jurídico, uma grande injustiça que recai, especialmente, nos ombros dos profissionais de segurança pública”, afirmou.

Militares
De acordo com Carvalho, a proposta amplia a vedação de perda automática do cargo a outros agentes públicos, como integrantes das Forças Armadas, “cada vez mais utilizados em missões voltadas para áreas afetas ao setor de segurança pública.”

Tramitação
A proposta ainda será analisada, em caráter conclusivo, pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Reportagem – Tiago Miranda
Edição – Natalia Doederlein

AGÊNCIA CÂMARA NOTÍCIAS

Cada atleta olímpico tem segurança de 3 policiais ao desembarcar na Bahia



Os jogadores de futebol da República de Fiji foram os primeiros a chegar

Varreduras no hotel
Equipes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da Polícia Militar aprovaram os 15 apartamentos separados para a seleção de futebol da República de Fiji,no Grand Hotel Stella Maris, o Estádio Metropolitano de Pituaçu que será centro de treinamento e os veículos que serão utilizados para deslocamento dos atletas.
As varreduras foram realizadas na tarde e início de noite desta terça-feira (26) com foco em possíveis ameaças QBRN (química, biológica e radionuclear), além de artefatos explosivos.
Ação, que ocorreu no terceiro andar, na ala A e na caixa de abastecimento de água do hotel, também contou com a participação de agentes do Centro de Defesa Nuclear, Química e Biológica da Marinha (NBQR) e da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN).
Dois veículos, um ônibus e uma van, que farão o transporte da delegação também passaram pela vistoria. Foram ainda empregados nas varreduras equipamentos de Raio X, detectores químicos do tipo GDA, fibra óptica, espelhos e o robô.
Três cães entraram nos quartos para buscar artefatos.
De acordo com o comandante da Companhia Antibomba e coordenador da varredura, capitão PM Érico de Carvalho, nada fora do comum foi encontrado nas dependências. O oficial também passou instruções para os funcionários e seguranças do hotel para que “em caso de visualização de algum objeto suspeito, eles acionem a unidade imediatamente”, explicou.
A delegação de futebol de Fiji deve ficar até o dia 8 de agosto em Salvador. Outras quatro seleções ficarão no mesmo estabelecimento.
Ainda este mês chegarão as equipes da Coreia do Sul e do México.
Novas varreduras serão realizadas antes da chegada dos atletas.

Menina reage a assalto com arma de choque e ladrão chama a polícia


Adolescente de 17 anos sacou a arma de choque e começou a eletrocutar o ladrão que gritou por socorro na janela do ônibus. O motorista do coletivo viu a ação e parou em frente a uma delegacia

Os passageiros de um ônibus em Curitiba, capital do Paraná, passaram por momentos tensão e um pouco inusitados. Um homem entrou no coletivo, anunciou o assalto e começou a serroubar bolsas, celulares e carteiras. O que ladrão não contava era que, entre as vítimas, estaria uma adolescente de 17 anos, que portava uma arma de choque. Ela reagiu e começou a eletrocutá-lo. Segundo informações da polícia do Paraná, o ladrão se assustou e começou a gritar por socorro na janela do ônibus.
O motorista viu a ação e parou o coletivo em frente a uma delegacia. O homem, de 23 anos, que já tinha passagens pela polícia por roubo e receptação foi preso. A menina prestou depoimento acompanhada dos pais e foi liberada em seguida. De acordo com a polícia de Curitiba, o suspeito ficou revoltado e pedia a prisão da adolescente por agressão.

ESTADO DE MINAS