,

,

Receba publicações por e-mail

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

SOLUÇÃO EMPRÉSTIMOS

.

FEDERAÇÃO DAS ASSOCIAÇÕES DE MILITARES DO INTERIOR DE MINAS GERAIS!

domingo, 26 de março de 2017

Segue a Dica pra PMs,APs ,PCs,BMs,GMs reagirem a assalto..
ORIENTAÇÃO!!

Aviso aos companheiros que não existe apresentação em local de crime.  O Agente de seguraca de FOLGA reagiu a um assalto e o meliante veio a óbito no local; se esperar a VTR, isso caracteriza em Flagrante e obriga aos policiais à apresentar ao Delegado para fazer o procedimento.  Assim, só será liberado pelo juiz. Lembrando que a apresentação espontânea na DP exclui o flagrante e vc não precisa se apresentar com advogado.
Em caso de haver tres ou mais tiros no deliquente é de grande valía judicial vc afirmar em depoimento que ENQUANTO ELE ESTAVA APONTANDO A ARMA PRA MIM EU APERTAVA O GATILHO. Isso dá a noção aos juristas que os tiros que o elemento sofreu foi provocado por ele mesmo.  (HOMICÍDIO PROVOCADO PELA PRÓPRIA VÍTIMA.)
Quando se depararem com esse tipo de ocorrências com um companheiro,  nunca entre na DP com ele, peça pra ele se APRESENTAR ESPONTANEAMENTE, mas esteja sempre dando apoio moral ....
Existe o DEPOIMENTO TÉCNICO ou seja depoimento orientado por um advogado e o depoimento espontâneo que o do calor da emoção e caracteriza a verdade em si. Isso é muito observado pelo Juiz e promotor...

🚨🚨 OCORRÊNCIA ENVOLVENDO MILITAR DO 22° BATALHÃO🚨🚨

área 16° Batalhão - Av Silviano Brandão.

Não tenho coragem de postar o texto racista. nojento e de um filhadaputismo que já não me surpreende por alguns membros da tropa.

Acho que estão perdendo o limite nas brincadeiras...Essa foi de muito mau gosto...
E muito mau mesmo, viu!!..  E sem graça.
Ridículo msm, achei uma palhaçada, pior ainda é quem fica propagando isso. Desrespeito total 😡
extremamente mau gosto, e sem falar nos crimes que podem ser imputados a quem fez, racismo (violência racial)!!  deveria descobrir quem féz e punir como exemplo.

E infelizmente está sendo divulgado pelos próprios militares . Se não tem consideração pelos seus pares, imagino pela população.

18 princípios de ouro que irão te ajudar física, legal e emocionalmente. Só para policiais:

1. Trate todos com dignidade e respeito. No mundo de hoje, fazer isso é como ter um raro superpoder, e você será recompensado por isso.

2. Se aproxime e lide com as pessoas da sua área de policiamento como se elas fossem membros da sua família ligeiramente complicados. Sua família de verdade eventualmente descobrirá que você trata as pessoas de forma justa e assimilará essa característica de você. Sua família da rua também irá notar e se lembrar disso.

3. Você precisa se tornar firme. Não agir firmemente, ser firme.

4. Seja fisicamente condicionado. Seu condicionamento físico será testado regularmente pelas pessoas com quem você lida. Garanta que você esteja sempre em boas condições físicas.

5. Não há problemas em sentir pena. Sentir pena não te torna um policial fraco, mas sim um policial melhor.

6. Você não carrega uma ou duas pessoas na sua viatura, mas duas ou quatro mãos. Fique atento às mãos e controle-as. Mãos matam.

7. Não leve os insultos da rua para o lado pessoal. Esses indivíduos estão insultando a farda, não você. Não há nada que alguém possa dizer que as fardas de policiais já não tenham ouvido. Lembre-se das palavras de George Thompson, “Eles podem dizer o que quiserem, desde que façam o que eu digo”. Considere insultos como parte das circunstâncias, as quais devem ser lembradas e descritas no Boletim de Ocorrência.

8. Se você está perseguindo alguém porque ele é perigoso, continue a persegui-lo (se seu regulamento permitir). Se o indivíduo é perigoso apenas porque você está o perseguindo, considere encerrar a perseguição (se seu regulamento permitir).

9. Se um suspeito fugir, não se preocupe. Você provavelmente vai encontrá-lo novamente. Policiais não conseguem prender todos os criminosos em todas as ocorrências. Entretanto, nós prendemos todos eventualmente. Lembre-se que uma perseguição é curta, mas uma busca – para um policial determinado – irá durar até que se esgotem todas as possibilidades.

10. A probabilidade é baixa de que um terrorista mate alguém na sua área, mas as estatísticas mostram que motoristas embriagados e maridos abusivos podem muito provavelmente matar alguém no seu setor. Portanto, busque motoristas embriagados com atenção e atenda suas ocorrências de violência doméstica com extremo cuidado e dedicação – enxergue-as como programas de prevenção de homicídios. Se você fizer isso você salvará vidas. Só por segurança, fique atento com terroristas também.

11. Se você não procurar por nada enquanto patrulha, na maioria dos casos, você não encontrará nada. Mesmo se você procurar por algo, você frequentemente não encontrará nada. Mas se você procurar por tudo, você quase sempre encontrará algo. Conclusão, procure por tudo. Além disso, se você se tornar um RES (reformado em serviço) e se esforçar para não procurar por nada durante o serviço, tenho algumas más notícias para você. O problema continuará te encontrando, e você provavelmente não o verá chegando.

12. Treine como se sua vida dependesse disso, porque ela depende.

13. O serviço policial é como um esporte de contato, com a exceção de que não é um esporte. Eles não dão uma medalha de segundo lugar nas ruas. Você deve sempre prevalecer e nunca desistir.

14. A comunicação é a tática mais utilizada por policiais. Cabe ao policial se tornar faixa preta em diálogo. Lembre-se que é mais fácil convencer alguém para que coloque as algemas do que colocar as algemas em alguém. Mas lembre-se, policiais precisam saber como fazer os dois habilmente.

15. É taticamente melhor esperar e se preparar para resistência em cada ocorrência e ser agradavelmente surpreendido com a cooperação do que esperar cooperação e ser terrivelmente surpreendido com a resistência. Nunca presuma que receberá cooperação.

16. Permanecer positivo no serviço policial não é natural, é uma disciplina. Tornar-se descrente é natural. Mesmo enquanto praticando a disciplina de permanecer positivo você nunca será completamente positivo, mas você pode se tornar completamente descrente nessa profissão sem esforço algum. Diariamente escolha ser positivo e você apreciará sua família, sua carreira e sua vida ao máximo.

17. Lembre-se de como você achava interessante o serviço policial e de como você adorava isso logo após sair da academia. Mantenha essa lembrança na cabeça por 30 anos e você ficará bem.

18. Você pode vender sua honra por um centavo, mas uma vez vendida, você não pode comprá-la de volta nem por um milhão. Você pode ganhar e perder a honra na Polícia. Frank Serpico uma vez disse, “O trabalho policial é uma profissão honrosa; se você praticá-la com honra.”

Com tudo isso dito, vamos para as ruas com cuidado!

Assunto: USO CORRETO DO GIROFLEX E SUA BANALIZAÇÃO

 

Srs (as),

Bom dia.

Gostaria de manter o anonimato e que verificassem a seguinte situação:

USO DE GIROFLEX EM VIATURAS POLICIAIS X CTB

Ficamos triste em ver que pessoas na PMMG, em âmbito estadual queremlegislar sobre trânsito, quando deveriam cumprir o que se está escrito na lei.

Em diversos lugares, o uso do giroflex foi determinado por 24 horas através de memorandos, O. Svs, determinações, etc, inclusive com farol aceso, mesmo durante o diasendo seu uso banalizado.

O giroflex quando acionado em áreas como agências bancárias, durante a noite denuncia a posição do policial, colocando sua integridade física e vida em grande risco.

De qualquer forma serve para denunciar a posição do policial/VP, perdendo o militar o principio da surpresa,onde da oportunidade ao infrator de monitorar a VP e praticar o delito, o que com certeza facilitaria muito em roubos.

Talvez funcione com "ladrões, criminosos pés de chinelo", porém acreditamos que sua utilidade se dá para demonstrar ao cidadão de bem que a PM, está próxima, acessível, proporcionando uma sensação de segurança.

Existem contras mais pesados que os prós, mas à luz do CTB o giroflex só pode ser usado em situações de urgência e emergência.

 

Dispõe o Art 29 do CTB, inciso VII, alínea C:

"CTB - Lei nº 9.503 de 23 de Setembro de 1997

Institui o Código de Trânsito Brasileiro.

Capítulo III - DAS NORMAS GERAIS DE CIRCULAÇÃO E CONDUTA

Art. 29. O trânsito de veículos nas vias terrestres abertas à circulação obedecerá às seguintes normas:

VII - os veículos destinados a socorro de incêndio e salvamento, os de polícia, os de fiscalização e operação de trânsito e as ambulâncias, além de prioridade de trânsito, gozam de livre circulação, estacionamento e parada, quando em serviço de urgência e devidamente identificados por dispositivos regulamentares de alarme sonoro e iluminação vermelha intermitente, observadas as seguintes disposições:

a) quando os dispositivos estiverem acionados, indicando a proximidade dos veículos, todos os condutores deverão deixar livre a passagem pela faixa da esquerda, indo para a direita da via e parando, se necessário;

b) os pedestres, ao ouvir o alarme sonoro, deverão aguardar no passeio, só atravessando a via quando o veículo já tiver passado pelo local;

c) O USO DE DISPOSITIVOS DE ALARME SONORO E DE ILUMINAÇÃO VERMELHA INTERMITENTE SÓ PODERÁ OCORRER QUANDO DA EFETIVA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE URGÊNCIA;"

 

Dispõe a Resolução CONTRAN nº 268 de 15/02/2008:

"Art. 1º Somente os veículos mencionados no inciso VII do art. 29 do Código de Trânsito Brasileiro poderão utilizar luz vermelha intermitente e dispositivo de alarme sonoro.

...

§ 2º Entende-se por prestação de serviço de urgência os deslocamentos realizados pelos veículos de emergência, em circunstâncias que necessitem de brevidade para o atendimento, sem a qual haverá grande prejuízo à incolumidade pública."

sexta-feira, 24 de março de 2017

Votem lá

http://www.ferendum.com/pt/PID64376PSD53711

Votem no Cabo Zanola, por favor.
Berlinque Cantelmo

*Lista de links do Boatos.org dos últimos dias (leia, entenda e, se precisar, repasse).*

*Atenção: notícia que fala que Conselho Tutelar pediu prisão de pai que ensinou filho a ser pedreiro é falsa. Entenda* http://www.boatos.org/brasil/conselho-tutelar-prisao-pai-pedreiro.html

*Será que Sandy se chama Alessandra e Dráuzio Varella é Áuzio? Clique e descubra a resposta para este mistério* http://www.boatos.org/entretenimento/sandy-alessandra-drauzio-auzio.html

*Saiba a verdade sobre a história que fala que homem pulou do prédio do Congresso em protesto contra a reforma da Previdência* http://www.boatos.org/brasil/homem-pula-congresso-reforma-previdencia.html

*Texto que seria de Joaquim Barbosa dizendo que ele não votou em Lula, Dilma e PT voltou a circular. Entenda o caso* http://www.boatos.org/politica-2/joaquim-barbosa-nega-votou.html

*Será mesmo que o rodízio de carros vai ser ampliado em abril na cidade de São Paulo? Contamos a verdade no link* http://www.boatos.org/brasil/rodizio-carro-sao-paulo-ampliado.html

Polícia Civil quer imputar o crime de prevaricação a Policiais Militares que não lavrarem o TCO

Foi publicado no diário oficial de hoje (24/03), página 26, a Instrução Normativa nº 01 /2017 do Conselho Superior da Polícia Civil, que orienta os policiais civis sobre os procedimentos relativos ao Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

Entre as determinações, o Conselho Superior de Polícia orienta aos Delegados que no caso de recusa do Policial Militar em confeccionar o TCO, ou ainda, que confeccionar o REDS sobre crime de menor potencial ofensivo e não lavrar o TCO, deverá ser instaurado um procedimento para investigar se a conduta do policial militar se enquadra na tipificação criminal de PREVARICAÇÃO, por RETARDAR ou DEIXAR DE PRATICAR ATO DE OFÍCIO.

A decisão do Conselho Superior de Polícia se deu após a aprovação da Lei nº 22.257/2016 (art. 191) e a publicação do  Aviso Conjunto nº 02/PR/2017 do Tribunal de Justiça de Minas Gerais que reconheceu a legalidade na lavratura do TCO pelos integrantes da PMMG.

Veja também: 

Confira na íntegra o texto da Instrução Normativa da Polícia Civil. Destacamos o artigo 4 que trata da orientação de instauração de procedimento investigatório que poderá imputar o crime de prevaricação aos policiais militares.

CLIQUE AQUI para acessar o Diário do Executivo contendo a
Instrução Normativa 

CONSELHO SUPERIOR DA POLÍCIA CIVIL

Instrução Normativa nº 01 /2017 do Conselho Superior da Polícia Civil

Orienta os policiais civis sobre os procedimentos relativos a TCO e dá outras providências

O Conselho Superior De Polícia Civil, nos termos do inciso III do art. 26 da Lei Complementar nº 129, de 8 de dezembro de 2013; Considerando a reunião do Conselho Superior com os Chefes de Departamento, Delegados Regionais, Chefes das Divisões Especializadas, na qual foram definidas diretrizes de atuação e posicionamento institucional em relação ao Termo Circunstanciado de Ocorrência; Considerando a reunião do Órgão Especial com a Presidência do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, oportunidade na qual foi externado a posição da Polícia Civil; Considerando o compromisso da Polícia Civil para com a população mineira, bem como na defesa do Estado Democrático de Direito; Considerando as disposições do art.191 da lei 250/2016 que permitiu que outras instituições lavrassem o Termo Circunstanciado de Ocorrência no âmbito do Estado de Minas Gerais, a despeito do previsto na Constituição; Considerando que ainda não fora concluído o julgamento pelo STF da ADI nº 5637, que poderá reconhecer a inconstitucionalidade do Art. 191 da Lei 250/2016,

Resolve

Art.1º Sempre que, nos Termos Circunstanciados de Ocorrência - TCO lavrados por outras instituições que não a Polícia Judiciária, houver requisição do Ministério Público ou Poder Judiciário para realização de cota, deverá o Delegado de Polícia receber o expediente, determinar a confecção de REFAP e analisar a necessidade de abertura de Inquérito Policial, TCO ou diligência preliminar para cumprimento da requisição.

Art.2º A realização de qualquer tipo de perícia somente poderá ser determinada ou requisitada pelo Delegado de Polícia, nos termos da legislação vigente.
§1º As requisições exaradas pelo Poder Judiciário ou Ministério Publico deverão ser dirigidas ao Delegado Regional, e no caso de Belo Horizonte, ao Delegado Coordenador do 1º Departamento de Polícia Civil, que requisitará ao Perito Criminal ou ao Médico Legista seu cumprimento.
§2º No caso de solicitação nos autos de Inquérito Policial Militar-IPM, esta também deverá ser dirigida ao Delegado Regional que determinará o cumprimento, em sendo o caso.
§3º Não deverá ser atendida pela Polícia Civil solicitação ou acionamento de Perícia Criminal ou Médico Legal por parte de Policiais Militares, exceto nos autos de IPM, quando deverá ser observado o disposto no §2º deste artigo.

Art.3º Não caberá a Polícia Civil realizar a guarda ou custódia de qualquer bem/material apreendido ou arrecado em Termo Circunstanciado de Ocorrência lavrado por instituição diversa da Polícia Civil de Minas Gerais.

Art.4º Nas hipóteses em que qualquer cidadão comparecer a Delegacia de Polícia narrando recusa por parte de outra instituição na confecção do REDS e a consequente lavratura do Termo Circunstanciado de Ocorrência, deverá o Delegado de Polícia determinar a confecção do REDS e do TCO, devendo, ainda, analisar juridicamente a conduta do servidor da instituição diversa que tenha retardado ou deixado de praticar ato.
§1º Caso o REDS seja elaborado por outra instituição, com natureza alusiva a infração de menor potencial ofensivo, porém esta deixar de lavrar o TCO, deverá o Delegado de Polícia determinar o recebimento do REDS e lavratura do TCO, devendo, ainda, analisar a conduta do servidor e adotar as providências cabíveis em relação à mesma.

Art. 5º Esta Instrução Normativa entra em vigor na data de sua publicação.

Registre-se, publique-se e cumpra-se.
Chefia da PCMG, em Belo Horizonte, aos 16 de março de 2017.

João Octacílio Silva Neto
Delegado Geral de Polícia Chefe da Polícia Civil

Raimundo Nonato Gonçalves
Delegado Geral de Polícia Chefe Adjunto da Polícia Civil

Gustavo Adélio Lara Ferreira Delegado Geral de Polícia Corregedor Geral de Polícia Civil
Luiz Flávio Cortat Delegado Geral de Polícia Superintendente de Investigação e Polícia Judiciária Bruno Tasca Cabral
Delegado Geral de Polícia Chefe de Gabinete da Polícia Civil

Rogério de Melo Franco Assis Araújo
Delegado Geral de Polícia Diretor do Departamento de Trânsito de Minas Gerais – DETRAN/MG

Ana Cláudia Oliveira Perry
Delegada Geral de Polícia Diretora da Academia de Polícia Civil Architon Zadra Filho Delegado Geral de Polícia Superintendente de Informações e Inteligência Policial

Letícia Baptista Gamboge Reis
Delegada Geral de Polícia Superintendente de Planejamento, Gestão e Finanças

Antônio Carlos de Alvarenga Freitas
Delegado Geral de Polícia Delegado Assistente da Chefia da PCMG

Roberto Simão
Perito Criminal Classe Especial Superintendente de Polícia Técnico Cientifica

Adaílson Gilberto de Oliveira
Escrivão de Polícia Classe Especial Inspetor Geral de Escrivães

Willian de Oliveira Braga
Investigador de Polícia Classe Especial Inspetor Geral de Investigadores  


* via Whatsapp
leia

Prezados servidores da Polícia Militar,

O pagamento da última parcela do 13º salário será feito ao longo do dia de hoje.

O sistema do Banco do Brasil apresentou problemas técnicos no processamento da folha de pagamento, razão pela qual alguns depósitos ainda não foram feitos.

A situação se normalizará até o final do dia.

(A) HELBERT FIGUEIRÓ DE LOURDES, CORONEL PM
COMANDANTE-GERAL


Advogado é Advogado, mas Polícia é Polícia...

Fato verídico acontecido em uma Vara Criminal da cidade de São Paulo, durante a arguição de um policial pelo advogado de defesa do réu, que tentava abalar a sua credibilidade...

Advogado: Você viu o réu fugir da cena do crime?
Policial: Não, senhor. Mas eu o vi a algumas quadras do local do crime e o prendi como suspeito, pois ele se trajava conforme a descrição dada do criminoso.

Advogado: E quem forneceu a descrição do criminoso?
Policial: O policial que chegou primeiro ao local do crime.

Advogado: Um colega policial forneceu as características do suposto criminoso. Você confia nos seus colegas policiais?
Policial: Sim, senhor. Confio a minha vida...Advogado: A sua vida? Pois bem, então diga-nos se na sua delegacia tem um vestiário onde vocês trocam de roupa antes de sair para trabalhar...
Policial: Sim, senhor, temos um vestiário.

Advogado: E vocês trancam a porta com chave?
Policial: Sim, senhor, nós trancamos.

Advogado: E o seu armário, você também o tranca com cadeado?
Policial: Sim, senhor, eu tranco.

Advogado: Por que, então, policial, você tranca seu armário, se quem divide o vestiário com você são colegas a quem você confia sua vida?
Policial: É que nós estamos dividindo o prédio com o Tribunal de Justiça, e algumas vezes nós vemos advogados andando perto do vestiário.

Gargalhada geral, inclusive do Juiz, que foi obrigado a suspender a sessão...

quinta-feira, 23 de março de 2017


21 de abril virando chacota. Realmente vergonhoso. Se eu fosse agraciada com essa medalha, me recusarai a recebe-la.


http://www.cabozanola.com.br/trajetoria/

Robson Paiva Zanola, o Cabo Zanola, é vereador por São João del-Rei desde o início de 2013. Foi eleito com 1162 votos aos 32 anos de idade em sua primeira participação em eleições. Obteve destaque ao ser o único bombeiro eleito para um cargo público em todo o estado de Minas Gerais.

Ainda muito jovem sua vida foi marcado pelo trabalho, quando atuou como eletricista junto a seu pai, garçon, ourives e locador de charretes para turistas. Mas o seu grande sonho sempre foi o de salvar vidas. Em 1998 ingressou no Corpo de Bombeiros obtendo êxito em todas as provas. Nos quase 14 anos de serviço Zanola honrou a classe e sempre se preocupou com as reivindicações dela, o que o motivaria mais tarde a ingressar na política. Seu trabalho recebeu destaque sendo homenageado no fim de 2012 em Juiz de Fora pelo 4º Batalhão de Bombeiros Militares de Minas Gerais.

Cabo Zanola ficou conhecido por participar nas manhãs de segunda feira no Jornal das Dez, com o grande Geraldinho da Rádio São João del Rei. Além de informar o trabalho desenvolvido pelos bombeiros, ele dava dicas de segurança doméstica, o que o fez ficar conhecido também como “O amigo da dona de casa”.

Cabo Zanola é graduado em direito pela Instituo Presidente Tancredo de Almeida Neves, o IPTAN, desde 2007, tendo obtido aprovação no exame da OAB antes mesmo da conclusão do curso. É pós-graduando em Processo Civil pela Universidade Internacional de Curitiba e doutorando em Direito Público pela Universidade Federal de Mar del Plata, na Argentina, aprofundando seus conhecimentos sobre  Desenvolvimento Econômico para a geração de empregos, arrecadação e rendas.

Prezados integrantes da Polícia Militar,

Perdemos na data de ontem mais um companheiro de trabalho num acidente decorrente do enfrentamento ao crime. O Sd Maurício da Silva Oliveira, do 2º BPE – Contagem, infelizmente, foi vítima de uma fatalidade que chocou a todos e deixou a família policial militar pesarosa e enlutada.

Aos familiares do Sd Maurício, nossos profundos sentimentos. Que a dor deste momento difícil seja superada pela certeza de que o Sd Maurício foi um grande policial militar! Somos-lhe gratos pelo trabalho que realizou na Instituição durante o tempo em que esteve conosco.

Aos companheiros do 2º BPE e de toda a 2ª RPM, nossos sentimentos.

(A)    Helbert Figueiró de Lourdes, Coronel PM
Comandante-Geral

**S.O.S Sargento GILMAR**

Caros irmãos bom dia!

A luta contra o Mieloma Múltiplo, um agressivo tipo de câncer, que enfrenta o nosso Guerreiro,  Sargento GILMAR DE OLIVEIRA, do Quarto Batalhão da PMMG de Uberaba desde dezembro de 2012  continua.

Várias foram as lutas desde então,
algumas dessas com vitórias graças a Deus e o apoio de todos.

O nosso Guerreiro caminha para o segundo transplante de medula óssea,  sendo que para a realização do transplante é prescrito um rigoroso tratamento quimioterápico de custo altíssimo, com a utilização de  medicamentos importados que custam em torno de R$ 24.000 a caixa que atende a um mês de tratamento.

Vários dos procedimentos realizados não foram cobertos pelo plano de saúde do militar, ensejando ações que tramitam na justiça.

Contudo a vida não pode esperar!

O Sgt GILMAR nesse momento necessita tomar uma medicação a fim de induzir a formação de "células troncos", para enfim submeter-se a um novo transplante de medula no Estado de São Paulo.

E mais uma vez, contamos com a solidariedade da família Policial Militar e amigos nessa luta.

Sua ajuda poderá ser realizada através de depósito bancário na seguinte conta corrente:

Banco do Brasil
Agência 4250-1
Conta: 9844-2
CPF 562.042.566-53 nome: Gilmar de Oliveira.

Assembleia de MG quer encabeçar campanha nacional contra a reforma da Previdência Em reunião nesta quarta-feira, comissão criada para discutir o projeto defendido pelo governo escolheu Gilberto Abramo (PRB) como presidente

LEIA

Governo de MG nega possibilidade de reforma na Previdência dos servidores

LEIA

Estados e municípios terão de fazer reforma da Previdência, diz Mansueto

LEIA

Guardas municipais são detidos suspeitos de ameaçar morador em BH Dupla de agentes estava com um comerciante, que também foi detido. Corregedoria da Guarda vai investigar o caso

LEIA

Soldado da PM morre atropelado por trem em Contagem Militar caiu sobre os trilhos, ficou com uma perna presa e não conseguiu se levantar

Um soldado da Polícia Militar (PM) morreu atropelado por um trem em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, na tarde desta quarta-feira (22).
De acordo com a corporação, Maurício da Silva Oliveira, de 35 anos, perseguia a pé um criminoso, na divisa dos bairros Eldorado e Água Branca, quando caiu sobre os trilhos próximo à Via Expressa.
O soldado, que estava acompanhado de dois militares, ficou com uma perna presa e não conseguiu se levantar no momento em que um trem se aproximava do local.
O militar chegou a ser socorrido com vida ao Hospital Municipal de Contagem, mas morreu após duas paradas cardíacas.
O TEMPO

Homem é preso em carro roubado com mais de 200 kg maconha na BR-040

LEIA

quarta-feira, 22 de março de 2017

Um homem é acusado de violentar sua própria filha sendo condenado a mais de doze anos de prisão. Todos pensavam que ele fosse culpado até que surgem cartas da vítima que convencem o advogado da inocência do réu dando início a um ensandecido combate processual para evitar a prisão e provar a sua inocência. Baseado em fatos verídicos, O Segredo das Cartas nos aguça a sensibilidade para detectar as raízes da maldade e dissimulação que o ser humano pode deflagrar. Também nos revela o perigo dos pré-julgamentos, nos impele a nunca perder as esperanças mesmo nas situações mais difíceis e deixa uma dica: valorize mais os atos do que as palavras.
http://www.bookess.com/read/22176-o-segredo-das-cartas/



Polícia Militar de Itabira apreende mais de 16kg de crack, armas e munições; quatro pessoas foram presas, entre elas um menor de idade. Assista a este vídeo e compartilhe!

Polícia Militar de Itabira apreende mais de 16kg de crack, armas e munições; quatro pessoas foram presas, entre elas um menor de idade. Assista a este vídeo e compartilhe! https://www.facebook.com/noticiasuai/videos/705467269628025/

Ontem o 10 BPM de Montes Claros fez uma baita surpresa para a criança Daniel Felipe Leal, no dia do seu aniversário. Ele é filho do Ex Sargento Wanderley Leal, que foi vitimado fatalmente em acidente de viatura, quando deslocava de Espinosa para Montes Claros. Mesmo sem lembrar com detalhes do pai, a criança é fascinada pela PMMG e exigiu que queria passar o aniversário como Polícia Militar. A comemoração foi só felicidade!


Governo de Minas divulga nova escala de pagamento de salário dos servidores

O governo do Estado divulgou nessa terça-feira (21) o novo calendário de parcelamento dos salários dos servidores, referente aos meses de abril, maio e junho deste ano. Uma circular com as datas foi encaminhada aos sindicatos representativos das categorias na última segunda-feira.

A nota traz as datas e explica que a tabela pode sofrer alterações. “Caso ocorra qualquer melhora, neste período, do fluxo de receitas estaduais, a escala será alterada e os sindicatos serão informados com antecedência”, diz o comunicado.

Em abril, a primeira parcela será paga no dia 12, a segunda, no dia 19, e a terceira e última, no dia 25. Já em maio, o pagamento acontecerá nos dias 11, 17 e 22. No mês de junho, será nos dias 12, 19 e 22. A primeira parcela é destinada aos servidores que recebem até R$ 3.000, a segunda para salários de até R$ 6.000, e a terceira parcela para pagamentos superiores a R$ 6.000.

No mês passado, completou um ano desde que os salários dos cerca de 600 mil servidores do Estado começaram a ser pagos de forma escalonada. A previsão era que a medida durasse inicialmente até maio de 2016. O parcelamento dos vencimentos, segundo o governo, foi necessário por causa da crise econômica, que reduziu a arrecadação do Estado.

A folha de pagamento de Minas Gerais consome R$ 3 bilhões, sendo R$ 2,5 bilhões com os servidores do Executivo e R$ 500 milhões com os funcionários dos demais Poderes.

O escalonamento do pagamento dos salários motivou vários protestos dos servidores no ano passado.

 
0
 o TEMPO

BATALHÃO ROTAM


Arma de fogo apreendida
Bairro Tupi
🚔 RO 23423
👮🏽Sgt Luiz Silva
👮🏽Cb W Henrique
👮🏽Cb Henrique
👮🏽Sd Alvarenga
Após operação a GU logrou êxito na apreensão dos seguintes materiais:
☑01 Submetralhadora calibre 9mm
☑01 garrucha calibre 22
☑05 munições calibre 9mm
☑02 munições calibre 22
Aqui não se cultuam os fracos
"As pessoas tem que denunciar, marginais que escondido próximo as resistências, naum esperar acontecer algo com alguém próximo ou de sua família, bandidos são o câncer da sociedade e que alimenta são as pessoas omissas ,que sabem e não denuncia
Depois culpam o governo, a polícia e etc
Nós policiais somos a ferramenta da sociedade, somos as ferramentas de limpeza de sua casa , usem com sabedoria e com capricho que sua ,casa sua família,sua rua e sua cidade ficará limpa....
Sem ladrão, sem traficante, tiramos todo tipo de demônios
E sujeiras. "

49 BPM

_RECEPTAÇÃO_
A guarnição POp 23791 em patrulhamento pela Rua Padre Pedro Pinto e munidos de informação acerca de um veículo Honda Fit possivelmente clonado, vieram a avistar o referido veículo estacionado na praça da Matriz - Venda Nova. Fizemos diligência e conseguimos localizar o autor saindo de um bar. Foi devidamente abordado e logo se identificou como policial civil para a guarnição. Após verificações confirmou-se a clonagem do veículo e a falsidade ideológica do indivíduo que nunca foi policial. Voz de prisão ao indivíduo e veículo apreendido.
POp23791
👮 Cb Ramon
👮Cb Diego
👮Cb Damasceno

Prisão do autor.
Veículo clonado.
1 rádio HT na faixa do 49 BPM.
1 rádio walk talk.
2 tocas ninja.
2 placas frias de outro veículo. 
Carteira de investigador da PCMG.
1 CRLV falsificado.

Vice Governador do Estado de Goiás, José Eliton, cumprimentando os Policiais Militares que estavam trabalhando na chuva. EXEMPLO. Já em Minas Gerais... kkkkk... Deixa Baixo...


noticias